Atitudes extremas podem ser saudáveis?

Patrícia Saar Paz*

atitudes exageradas podem ser saudaveis 3

Há alguns dias acompanhei a seguinte conversa:

– Vou excluir meu perfil naquela rede social.

– Por quê?

– Porque acabo gastando tempo demais lá e deixo de fazer coisas mais importantes.

– Isso é falta de controle. Você tem que aprender a administrar melhor seu tempo.

Inúmeras vezes falamos sobre a importância do equilíbrio aqui no Multiverso. Uma vida equilibrada requer consciência de si, negociações constantes entre o que queremos e o que é possível, discernimento entre o ideal e o real. Partindo destas ideias, pode-se considerar uma atitude aparentemente extrema como sendo saudável?

atitudes exageradas podem ser saudaveis 4Quando nos dedicamos ao autoconhecimento, tornamo-nos mais conscientes de nossas potencialidades e limitações e conseguimos discernir com mais clareza e prontidão aqueles projetos possíveis de empreender daqueles que estão além de nossas condições naquele momento.

Vejam bem: no momento! O fluir da vida traz mudanças constantes e não devemos adotar pensamentos engessados do tipo “sempre” ou “nunca”. É necessário compreender que autoconhecimento é um processo, sempre em construção. Uma característica que não percebo em mim hoje ou um comportamento que acredito ser incapaz de realizar podem não corresponder com minha percepção pessoal no futuro.

atitudes exageradas podem ser saudaveis 5Além disso, um maior nível de conhecimento pessoal nos dá condição de determinar objetivamente o que queremos e o que não estamos dispostos a fazer. Deixar de conviver com pessoas de quem gostamos, mas que nos sugam a energia; abandonar um curso ao perceber que já não há sentido em prosseguir e que a permanência pode prejudicar outras esferas da vida; abdicar de um emprego financeiramente interessante e pessoalmente insatisfatório; terminar um relacionamento com alguém a quem se ama, mas com quem foi estabelecida uma relação tóxica e adoecedora; parar de frequentar um lugares que gosta mas que traz esgotamento físico ou comprometimento financeiro.

Para todos os exemplos anteriores, podem surgir vozes dizendo “não seja radical, não é preciso romper definitivamente. Aprenda a ser tolerante, mude de atitude, insista um pouco mais. Isso pode te ajudar a crescer”.

atitudes exageradas podem ser saudaveis 2Em alguns momentos essas falas serão muito pertinentes. No entanto, há outros em que decisões consideradas radicais ou extremas são verdadeiramente integrativas para quem as está adotando, pois são fruto de ponderação e levam em conta o conhecimento de si, de suas reais possibilidades e necessidades.

Nem sempre seremos capazes de realizar aquilo que é ideal e nestas situações devemos ter humildade e paciência para lidar com o que é possível executar ou mesmo firmeza para seguirmos adiante com o que acreditamos ser o melhor para nós, mesmo que pareça exagerado para quem nos cerca.

O equilíbrio também requer respeito ao nosso momento presente.

Imagens: imagens retiradas da Internet, autoria desconhecida.

*Patrícia Saar Paz CRP 04/34248 é psicóloga clínica na cidade de Belo Horizonte (MG). Atende crianças, adolescentes, adultos, casais e famílias. Contanto: multiversoterapeutico@gmail.com

Deixe um comentário

Arquivado em Relacionamento, Temáticas Contemporâneas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s